Última atualização em .

Nos últimos quatro anos, tem havido poucas alterações na produção de petróleo no mundo especialmente na comparação das grandes nações produtoras de petróleo bruto. Durante este período, a produção de petróleo da Líbia e do Irã caíram e a produção norte-americana disparou graças à revolução do xisto. A produção do Iraque também aumentou. O crescimento da produção (ou a falta dela) nesses países é que vai determinar a recuperação do preço e em que nível mas não a Rússia ou a Arábia Saudita. A Arábia Saudita tem capacidade ociosa para aumentar ainda mais a produção, mas a Rússia, por sua vez, terá um grande desafio em a manter a produção a estes níveis elevados, devido ao declínio da produção em seus campos da Sibéria. Fonte: Forbes2016

Pingbacks

Pingbacks estão abertas.

Trackbacks

Trackback URL

Comentários

Ainda não há comentários.

Publique seu comentário