Última atualização em .

Acostumados a crescer acima de 10% de seu produto anualmente, a China está engajada em oxigenar a sua economia a voltar a esse patamar. Para 2016 a 2020 a expectativa de crescimento é modesta: 6,5% ao ano. Essa é a palavra do relatório de trabalho do Premier Li Keqiang entregue ontem, no início do Congresso Nacional anual do Povo, em Pequim. As frentes de trabalho vão desde incentivar a inovação, urbanizar e cortar o excesso de capacidade em indústrias como carvão e do aço.  2016  

Pingbacks

Pingbacks estão abertas.

Trackbacks

Trackback URL

Comentários

Ainda não há comentários.

Publique seu comentário