Última atualização em .

Agosto mês do desgosto. E setembro é de quê?

Mês de agosto foi um mês de sangue no meio da perna... Nossa... Ibov perdeu 0,67% no acumulado do mês, mas tudo isso foi com o pavor de uma montanha russa que parecia só descer. Menos para quem assina FBC. 

Setembro tem reunião EUA x China em Washington sobre guerra comercial e esse domingo entra em vigor taxação em US$ 300 bi sobre produtos chineses, tem reunião do COPOM definindo taxa Selic no Brasil, eleições na Argentina que provalvemente irá trazer muita volatilidade ao continente... O cenário é de incertezas, mas tenho convicção que o fundamento do mercado global (e nacional) não se deteriorará, com rumores mais impactantes de desaquecimento da economia global e de queda de braço mais favorável aos EUA na guerra comercial. Vamos sobreviver. Volatilidade é bom quando se usada a seu favor ;)

Os destaques de hoje na Bovespa foram para Itaú -0,44% (ITUB4), Ambev +0,92% (ABEV3), Bradesco +1,54% (BBDC4), Petrobrás ON +0,53% (PETR3), e Petrobrás PN +0,00% (PETR4). Bovespa subiu 0,61% aos 101.134 pontos. Dólar cai 0,65% a R$ 4,147.

Como já passou, essas foram as ações analisadas essa semana e o resultado delas:

 

Pingbacks

Pingbacks estão abertas.

Trackbacks

Trackback URL

Comentários

Ainda não há comentários.

Publique seu comentário