Última atualização em .

Com ajudinha, Bovespa se equilibra acima dos 110 mil pontos

Wall Street terminou em alta nas negociações pós-feriado, com o S&P 500 e o Nasdaq terminando em níveis recordes. Ações de empresas de varejo estavam entre as com mais altas em meio à esperança de fortes vendas na Black Friday. Na semana, tanto o S&P 500 quanto o Dow registraram um ganho de 2,2% e o Nasdaq subiu 2,9% em meio a perspectivas de que uma vacina contra o coronavírus possa ser usada em breve e uma transição ordenada de poder de Trump para Biden ocorra.

A Bovespa foi contagiada com o otimismo global e o dia terminou se equilibrando acima dos 110 mil pontos com alta de 0,32% fechando em 110.575 com destaque para Ambev (ABEV3) -0,69%, Itaú (ITUB4) +0,77%, Bradesco (BBDC3) -0,72%, Petrobrás ON (PETR3) -1,33% e Petrobrás PN (PETR4) -1,24%. A Vale (VALE3) manteve movimento de alta hoje também e subiu 1,87%. Estrangeiros voltaram e voltaram com força para o Brasil. No ano, já estão com saldo de R$ 55,4 bi. 

Pra mim, estamos em rally de alta. O que vocês acham?

 

 

 

Pingbacks

Pingbacks estão abertas.

Trackbacks

  1. Proteus motionscykel em #

    Com ajudinha, Bovespa se equilibra acima dos 110 mil pontos | FBC

  2. Motionscykel fra Abilica em #

    Com ajudinha, Bovespa se equilibra acima dos 110 mil pontos | FBC

Trackback URL

Comentários

Ainda não há comentários.

Publique seu comentário