Última atualização em .

Bovespa desce mais, desce mais um pouquinho

A boca da garrafa já passou faz tempo...

O Dow Jones recuou mais de 60 pontos e o S&P perdeu 0,2% nessa quinta-feira, estendendo as perdas de setembro após uma recuperação acentuada no pregão de quarta, enquanto os investidores continuam a pesar a incerteza sobre o ritmo da recuperação econômica e quais serão os próximos passos do Fed. Dados recentes mostraram que as vendas no varejo aumentaram inesperadamente em agosto, mas a leitura de julho foi revisada e na verdade houve um declínio de 1,8%. No contexto de dados econômicos, os pedidos iniciais de auxílio-desemprego aumentaram um pouco mais do que o previsto. Os investidores agora aguardam a decisão do FOMC na próxima semana para obter mais detalhes sobre quando o Fed começará a diminuir estímulos fiscais. Enquanto isso, ações de empresas do setor de cassinos, incluindo Wynn Resorts, expandiram as quedas depois que Macau definiu um plano na noite de terça-feira para revisar as leis de jogos de azar. Enquanto isso, o Nasdaq Composite subiu 0,1%.

Hoje o Ibovespa caiu 1,10% aos 113.794 pontos com investidores pressionados pela queda das commodities, especialmente minério de ferro, críticas à política de preços da Petrobras e incertezas com precatórios e reformas no Congresso. Os destaques de hoje foram para Ambev (ABEV3) +0,69%, Itaú (ITUB4) -0,07%, Bradesco (BBDC3) -1,88%, Petrobrás ON (PETR3) -0,93% e Petrobrás PN (PETR4) -0,87%.

Pingbacks

Pingbacks estão abertas.

Trackbacks

Trackback URL

Comentários

Ainda não há comentários.

Publique seu comentário