Última atualização em .

Wall Street cai fortemente com um FED "Hawkish"

O termo hawkish é usado em referência à postura que um Banco Central adota quando existe a intenção de aumentar (ou manter elevadas) as taxas de juros do país. O termo deriva da palavra em inglês hawk, que quer dizer falcão. ... Com um juro elevado, há menos crédito e, portanto, dinheiro em circulação.

As ações dos EUA terminaram em forte queda nessa quarta-feira, depois que a ata do FOMC mostrou que o Fed provavelmente aumentará as taxas mais cedo do que o previsto. O Dow Jones afundou 393 pontos ou 1,1%, para 36.407 pontos, após fechar em nível recorde no dia anterior; o S&P 500 perdeu 1,9% para 4701 pontos; e o Nasdaq terminou em queda 3,3% aos 15100 pontos. As ações das empresas de tecnologia retomaram a cair, uma vez que os rendimentos crescentes do Tesouro levantaram preocupações sobre a roubaram a cena e põe em cheque se não são mais atrativos que apostar na valorização das ações das empresas de tecnologia. O setor imobiliário também caiu, enquanto as ações da Merck & Co (2,4%), Intel (1,4%) e Honeywell (1%) registraram altas.

O Ibovespa segue sem conseguir emplacar uma sessão positiva no ano e quase perdeu o patamar dos 101 mil pontos nesta quarta-feira, com aumento da aversão ao risco após a divulgação da ata da última reunião do Federal Reserve e receios fiscais no cenário doméstico. O índice recuou 2,42% a 101.005, enquanto a curva de juros subiu em até 12,5 pontos-base e o dólar futuro avançou 0,39% a R$5,735 depois de passar a maior parte do dia em queda. Os destaques de hoje vão para Ambev (ABEV3) -1,96%, Itaú (ITUB4) -1,90% Bradesco (BBDC3) -0,66%, Petrobrás ON (PETR3) -4,10% e Petrobrás PN (PETR4) -3,87%.

Pingbacks

Pingbacks estão abertas.

Trackbacks

Trackback URL

Comentários

Ainda não há comentários.

Publique seu comentário